ENTENDA A SAZONALIDADE DOS ALIMENTOS

3.jpg

Muitos alimentos, principalmente os vegetais, possuem uma época certa de cultivo e colheita. A sazonalidade é um atributo natural daquilo que ocorre em um determinado período, próprio de uma estação do ano. Isso acontece porque os vegetais dividem-se em espécies que se adaptam de maneiras diferentes ao clima de cada estação e até mesmo ao local onde são cultivadas.

sazonalidade é um fator muito importante para determinar a qualidade dos produtos, o sabor e o preço. Como a produção não está alinhada aos ciclos naturais de cada espécie de alimento, eles podem receber altas doses de fertilizantes e agrotóxicos, o que influencia muito na qualidade nutricional e sabor. Outro fator que também é afetado pela sazonalidade é o preço. Alimentos cultivados fora de época são mais difíceis de serem produzidos e rendem menos do que em sua época certa e consequentemente, o preço aumenta pela baixa demanda.

Atualmente é possível encontrar a maioria dos produtos em qualquer época do ano, por causa das novas tecnologias no campo em que ha produção mesmo em condições adversas, mas a qualidade do alimento pode ser comprometida pelo aumento do risco de contaminação por fertilizantes e agrotóxico como pela menor densidade nutricional do alimento. O melhor é consumir alimentos produzidos dentro da sua sazonalidade. É bom para seu bolso, seu paladar e especialmente para sua saúde. Para manter consumo de frutas, legumes e verduras frescos no inverno procure dar preferência para os vegetais da estação e preparações quentes como chás, sopas e alimentos assados.

Legumes e verduras do inverno

Caso você queira se aquecer com uma sopa, utilize alimentos que ajudem a torná-la mais densa, como batata-doce, abóbora e mandioca. Dessa forma, é possível evitar os caldos prontos, repletos de sódio. Procure também adicionar ingredientes que protejam o organismo, já que a incidência de gripes e resfriados aumenta nesta época, a beterraba, o brócolis, a couve, a cenoura e o espinafre são ricos em ferro, cálcio, vitamina C e antioxidantes, que deixam a temperatura corporal em equilíbrio.

Temperos naturais para adicionar sabor e saúde

33.png

Pimenta, alho, sementes de mostarda, gengibre e cebola são alguns dos temperos que gostam do frio típico do inverno. Além de deixarem as refeições mais saborosas, eles possuem baixas calorias. Todos podem ser usados sem restrições, especialmente o alho, que contém alto poder antioxidante.

Frutas da gelada estação

333.png

Entre as frutas típicas do inverno estão abacaxi pérola, morango, caju e melão. Para consumi-los, você pode fazer sucos ou uma deliciosa salada de frutas. Todas elas são ricas em vitamina C, nutriente muito importante para o sistema imunológico no inverno. O pêssego, o figo e as uvas também são comuns nesta estação. Um de seus benefícios é atuar diretamente em nosso sistema sanguíneo e respiratório. Já a carambola, o kiwi e a laranja ponkan são frutas com safra no auge do mês de julho.

Além dos vegetais sazonais, procure variar suas refeições com cereais e sementes encontrados o ano inteiro. Dessa forma, você garante refeições completas ao longo do dia, com todos os nutrientes de que seu organismo necessita para aguentar o frio e se defender das doenças comuns nesta época do ano.

Você busca se informar sobre a sazonalidade dos alimentos antes de adquiri-los? Conhecia as frutas, verduras e legumes comuns desta época do ano? Se gostou do texto, não deixe de compartilha-lo nas suas redes sociais. Até a próxima!