POR QUE NÃO CONSUMIR REFRIGERANTE?

0.jpg

O refrigerante ainda faz parte dos hábitos de muitas pessoas. É muito comum vê-lo em cima das mesas para acompanhar as refeições, principalmente aos fins de semana, onde as pessoas tem o pensamento que “hoje pode”. Mas isso não quer dizer que aos fins de semana está liberado colocar qualquer coisa para dentro do organismo, não é mesmo?

Qual optar: normal, light, diet e zero?

00.jpg

 

Hoje encontramos o refrigerante em várias versões, desde a normal, a light, a diet e até mesmo a zero. Independente de qual versão e sabor, nenhum possui nutrientes (os três últimos possui mais sódio que o normal) e não oferece nenhum benefício para a saúde, pelo contrário.

Os malefícios são enormes: os refrigerantes prejudicam a absorção de alguns nutrientes como o cálcio e podem levar a osteoporose, pois ele é muito ácido. Para se ter uma ideia, é necessário 30 copos de água para neutralizá-lo, assim, quando consumido, ele aumenta a acidez do sangue e faz com que o organismo libere cálcio para neutralizar essa acidez, retirando dos ossos.

Quais os malefícios para o meu corpo?

000.png

A quantidade de açúcar presente nos refrigerantes (em uma lata tem aproximadamente 37 gramas de açúcar) aumenta o nível de glicose no sangue, piora a resistência à insulina, podendo levar ao desenvolvimento de diabetes tipo 2, além de obesidade e aumento dos triglicérides. A bebida ainda pode causar doenças cardiovasculares, gastrite, retenção hídrica, cáries, pressão alta, insônia, infertilidade, envelhecimento precoce, queda de cabelos, celulite e até câncer.

Refrigerante vicia?

0000.png

Como vimos no post sobre açúcares e adoçantes, por conter açúcar, o refrigerante pode virar um vício. Por isso é tão difícil parar de tomar de um dia para o outro, principalmente quem costuma tomar todos os dias. Por isso, a dica é ir diminuindo a quantidade aos poucos até conseguir retirar completamente. Como também vimos no post, o diet é uma bomba de aspartame e com os refrigerantes não poderia ser diferente.

O que posso encontrar nos refrigerantes?

00000.png

Algumas substâncias que é feito o refrigerante são: corante caramelo(substância química derivado do caramelo que da cor a bebida e pode provocar carcinomas, um tumor maligno), ácido fosfórico (enfraquece ossos e dentes), adoçantes artificiais, xarope de milho (altamente viciante), formaldeído (cancerígeno), benzolato de potássio(conservante quebrado em benzeno que exposto ao sol torna-se cancerígeno) e sal industrializado (para compensar a quantidade de açúcar e ainda por cima você fica com mais sede).

Os corantes alimentares em excesso, podem causar danos nas atividades cerebrais comportamentais, hiperativismo, dificuldade de concentração e descontrole de impulsos.

Quando você vai abastecer o seu carro, você toma cuidado para saber a origem da gasolina ou álcool, se é bom ou não e se estão colocando o que você pediu, não é mesmo? Se o seu carro não for flex, por exemplo, aos finais de semana você pode colocar álcool, certo? Não? Mais qual o problema? Só um pouco, aos finais de semana, não vai acontecer nada. Mas você não coloca, pois sabe que vai estragar o seu carro ao longo do tempo. E por que com o seu corpo você não pensa da mesma forma?

Consuma comida de verdade! Ah, não se esqueça de deixar seu comentário. Até a próxima!

000000.png