COMO INSERIR OS ORGÂNICOS NA ALIMENTAÇÃO DAS CRIANÇAS

0.jpg

Não é novidade que os alimentos orgânicos possuem qualidade superior aos alimentos tradicionais. Eles são mais nutritivos e saudáveis, afinal, são livres de químicos e possuem suas propriedades nutricionais preservadas. O consumo de alimentos orgânicos é indicado para todas as idades, no entanto, você sabia que ele é ainda mais importante na infância?

Só para se ter ideia, estudos recentes apontam que os alimentos convencionais podem trazer riscos para a saúde infantil, pois os pequenos são mais vulneráveis a produtos químicos e sintéticos, como os pesticidas e os hormônios usados no cultivo dos alimentos. Daí a necessidade de priorizar os orgânicos na alimentação das crianças nos primeiros anos de vida.

Você acredita na importância dos orgânicos para a saúde e deseja inserir esses alimentos no cardápio do seu filho? Então confira algumas dicas práticas para tornar isso possível:

Quanto mais cedo os orgânicos na alimentação das crianças, melhor!

00.png

Não espere que seus filhos cresçam para introduzir os orgânicos na alimentação deles. Na verdade, o que deve ser adiado é justamente o consumo de alimentos industrializados. Segundo especialistas, os processados estão proibidos na alimentação infantil até que os pequenos completem um ano. Antes disso, o cardápio deve ser composto exclusivamente pela amamentação e os alimentos orgânicos, para que não haja prejuízos no aprendizado dos sabores e na saúde do bebê.

Tenha uma horta em casa

000.png

Para fazer com que as crianças tomem gosto pelos orgânicos, uma boa alternativa é ter uma pequena horta em casa. Os pequenos vão adorar se envolver no cultivo das plantinhas e, naturalmente, desenvolverão a consciência ambiental. Não parece uma boa estratégia? Você pode aproveitar os momentos em contato com a horta para ensinar sobre os diferentes tipos de temperos e os benefícios daqueles alimentos para a saúde, bem como sobre os cuidados com a rega e poda das plantas.

Para completar, além de ser uma ótima maneira de inserir os orgânicos na alimentação das crianças, as refeições ficarão ainda mais gostosas, afinal, não há nada melhor do que ervas fresquinhas para dar sabor à comida direto #DaHortaParaMesa!

Coloque frutas na lancheira dos pequenos

0000.png

Quando se trata da alimentação dos filhos, é melhor ir na contramão da sociedade. Enquanto as lancheiras estão recheadas de salgadinhos industrializados, biscoitos ricos em gordura trans e caixinhas de sucos artificiais, não hesite em mandar frutas para os seus filhos lancharem. Opte por frutas práticas para carregar, como a banana e a maçã. Lembre-se que esses alimentos aliam sabor e saúde e não há nada melhor para a alimentação das crianças do que isso!

Viva experiências gastronômicas com os seus filhos

00000.png

Para que as crianças comam orgânicos e sintam prazer nisso, use a ludicidade e a diversão ao seu favor. Vá para a cozinha com os seus filhos e faça sucos, vitaminas e saladas saudáveis com eles. Outra boa dica é viver experiências gastronômicas com as crianças em lugares que ofereçam comida orgânica. Aos poucos, o paladar dos pequenos estará completamente acostumado com alimentos mais naturais e saudáveis.

Leve as crianças para comprar vegetais

000000.png

Que tal levar os seus filhos para a feira ou supermercado na hora de comprar os vegetais? Prepare a lista com os pequenos em casa, inclua as frutas, legumes e verduras orgânicas que as crianças mais gostam e, quando eles pedirem guloseimas, embutidos e outros alimentos processados que fazem mal à saúde, aproveite para explicar porque esses itens devem ser evitados.

Gostou das nossas dicas? Que tal colocá-las em prática e montar um programa alimentar saudável incluindo os orgânicos na alimentação das crianças? Compartilhe sua opinião nos comentários!